; CE: SINDESSEC nega discutir cláusula referente a jornada de trabalho e Farmacêuticos decidem paralisar - Fenafar

Sidebar

1

CE: SINDESSEC nega discutir cláusula referente a jornada de trabalho e Farmacêuticos decidem paralisar

Fenafar e Sindicato em ação

O Sindicato dos Farmacêuticos do Ceará realizou, dia 25 de Outubro, no Meridional Convenções, Assembleia Geral Extraordinária para definir estratégias acerca das negociações com o Sindicato dos Estabelecimentos dos Serviços de Saúde do Estado do Ceará - Sindessec.

 

Durante a reunião, a Diretoria do Sinfarce apresentou uma carta enviada pelo Sindessec, em que a entidade mostra-se irredutível em negociar as propostas estabelecidas pelos trabalhadores no que se refere a jornada de trabalho 12 x 36h. Por maioria, ficou determinado que a categoria realizará paralisação no próximo 04 de novembro, a partir das 8 horas da manhã, na Praça do Ferreira.

Na assembleia anterior, os farmacêuticos definiram que não aceitariam a jornada de trabalho 12 x 36h. Diante disso, a Diretoria do Sinfarce tentou contato com o Sindessec buscando, novamente, negociar, mas a entidade patronal afirmou que não participaria de mais nenhuma mesa de negociação para discutir essa cláusula, especificamente.

Histórico

O Sinfarce vem negociando há meses com o Sindessec para assegurar os direitos dos farmacêuticos. No último 28 de julho, a entidade patronal desmarcou uma reunião que trataria da Convenção Coletiva 2016/2017. Foi enviado documento sugerindo que essa negociação fosse agendada mediante ação na Superintendência Regional do Trabalho.

Em 05 de Setembro, os farmacêuticos reuniram-se em número recorde numa Assembleia, também realizada no Meridional Convenções, deliberando mobilizações em prol de melhorias para categoria. A mobilização aconteceu dia 19 de setembro e contou com a participação de 100 farmacêuticos que reuniram - se em frente à entidade. Essa iniciativa, fez com que o Sinfarce fosse recebido em reunião no dia seguinte com os representantes para expor as cláusulas econômicas e sociais reivindicadas pelos profissionais.

A partir daí, foi realizado nova Assembleia no dia 23 de setembro que culminou, mediante votação, na aprovação de algumas proposições.

O Sinfarce reitera seu compromisso com a categoria e continua na luta por melhores condições e salienta a importância da participação da categoria na paralisação.

Serviço:

Dia: 4 de Novembro

Local: Praça do Ferreira

Horário: 8 da manhã

Fonte: Sinfarce
Publicado em 01/11/2016

UA-480112034-1