; Fenafar participa de reunião do Comitê Nacional para Promoção do Uso Racional de Medicamentos - Fenafar

Sidebar

1

Fenafar participa de reunião do Comitê Nacional para Promoção do Uso Racional de Medicamentos

Fenafar e Sindicato em ação

A 36ª Reunião Ordinária do Comitê Nacional para Promoção do Uso Racional de Medicamentos aconteceu nos dias 25 e 26 de março, em Brasília. Célia Chaves, tesoureira da Fenafar, representa a entidade no comitê e participou da reunião.

Entre os assuntos em pauta estavam a discussão do Plano de Ação Nacional de Prevenção e Controle da Resistência aos Antimicrobianos no Âmbito da Saúde Única, o uso da Base Nacional de Dados de Ações e Serviços da Assistência Farmacêutica - BNAFAR para o Uso Racional de Medicamentos, a participação do comitê nas conferências de saúde, Campanha pelo Uso Racional, Seguro e Responsável de Medicamentos Antimicrobianos e assuntos ligados ao comitê, como balanço das atividades do último período, agenda futura e planejamento.

Célia Chaves falou da importância do comitê e dos debates e encaminhamentos feitos na reunião. “Foi uma reunião muito produtiva, porque além de analisarmos o trabalho que foi feito no último período, fazendo um balanço do que foi efetivamente realizado e o que não conseguimos realizar, pudemos apontar um cronograma de trabalho para potencializar as ações do Comitê”.

A reunião dedicou dois momentos para a discussão da questão dos medicamentos antimicrobianos. "Abordamos o Plano de ação da prevenção do controle de resistência dos antimicrobianos, que é uma das principais ações do Comitê, além de termos constituído um grupo de trabalho para desenvolver uma campanha pública sobre esse assunto”, explica Célia.

Também houve uma apresentação sobre a Base Nacional de Dados e Ações em Saúde - Bnafar, que mostrou as potencialidades do uso dessas informações pelo comitê, e como podemos ter acesso a este banco de dados para utilizá-lo pensando em ações para o uso racional de medicamentos.

Conferência Nacional de Saúde

O Comitê também se debruçou sobre ações para dar mais visibilidade ao tema do uso racional de medicamentos na 16ª Conferência Nacional de Saúde. “Discutimos a ação do comitê nas conferências de saúde e decidimos apresentar uma proposta de atividade autogestionada durante a conferência”, destacou a representante da Fenafar.

Célia Chaves também apresentou ao comitê a Carta do Rio, aprovada ao final do 8º Simpósio Nacional de Ciência, Tecnologia e Assistência Farmacêutica promovido pela Fenafar e pela Escola Nacional dos Farmacêuticos no Rio de Janeiro, em dezembro de 2018. O documento é composto pelas 10 propostas prioritárias aprovadas no 8º SNCTAF, e que tem o objetivo de servir de subsídio aos debates que ocorrerão na construção da 16ª Conferência Nacional de Saúde (8ª + 8), durante as Conferências Livres, Etapas Municipais e Estaduais que precedem a Etapa Nacional da 16º Conferência. 

O comitê também aprovou seu cronograma de reuniões, que serão bimestrais. “Outra questão importante nesta reunião foi a sinalização da realização do Congresso do Uso Racional. O Ministério da Saúde já sinalizou positivamente em dar a estrutura para a realização do mesmo, que possivelmente será no final do ano em Brasília”, informou Célia.

Da redação
Publicado em 27/03/2019

UA-480112034-1